domingo, 23 de agosto de 2009

[acometo-me]
hoje dormes ao meu lado
sem notar o quanto de mim já morreu
[naquilo que sonhas]

2 comentários:

Angela disse...

Fico pensando se serás, na verdade, um homem alegre!

V_ Leal disse...

essas mortes constantes de cada dia, só pra nascer mais alguma nesses ciclos samsara.